InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» [Parceria] Saint Seiya RPG - Santuário RPG
Qui Jun 29, 2017 2:39 pm por Hades

» Final Alternativo - 02
Qui Jun 01, 2017 4:06 pm por Tony.Cyt

» Final Alternativo - 01
Ter Maio 23, 2017 10:46 am por Tony.Fenix

» Schenee - Amazona de Dourado - O Templo
Ter Fev 21, 2017 8:12 pm por SchneeKS

» [Parceria] Realm of Legends - Saint Seiya RPG
Sab Jan 21, 2017 12:06 am por Hades

» A Grande Batalha de Asgard
Seg Dez 26, 2016 5:42 pm por Anthea

» Pantheras e Raika - Um mergulho nas Trevas
Seg Dez 19, 2016 9:17 pm por Tony.Kage

» Aioria de Leão - A Adaga Dourada
Seg Dez 19, 2016 7:28 pm por Mu.

» A Rebelião dos Anjos
Dom Dez 11, 2016 11:29 pm por Grande Mestre

» Scorpio - A queda dos anjos
Qui Dez 08, 2016 5:49 pm por ScorpioKS

» Aella - O Resgate da Armadura
Qui Dez 08, 2016 5:40 pm por Art08

» Morto e Olívia - O Inimigo Atemporal
Dom Dez 04, 2016 10:47 pm por Mortinho

Fichas
ADMs e Narradores

Compartilhe | 
 

 A Saga de Malphas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1 ... 11 ... 18, 19, 20  Seguinte
AutorMensagem
Tony.Kage

avatar

Mensagens : 289
Data de inscrição : 05/03/2015

MensagemAssunto: Re: A Saga de Malphas   Sex Ago 07, 2015 10:20 am

O som da xícara se quebrando faz meu coração tremer... Por alguns segundos, achei que seria castigada por pedir algo tão superfulo para a Senhora Pandora...

Fico apreensiva, mas logo a voz de Pandora chega a minha mente com a ordem de trazer Greta... Respondo imediatamente a Pandora.

Ela será entregue imediatamente senhora!

Seria ela realmente importante assim...

Agora motivada a cumprir a ordem de Pandora e vendo que estava agindo corretamente, crio novamente as sombras e aproveito que a outra guerreira estava preocupada com o fato de Greta não acordar. As minhas sombras a envolvem e a puxam para mim... Sairia das sombras a tomando em meus braços a teleportando seguindo o Elo com Pandora...

Vejo que todos os guerreiros queimam os seus cosmos, e disparam seus golpes... Após a explosão vejo que a armadura da guerreira fora destruída, mas a mesma continha um Cosmo muito poderoso... Tinha que entregar Greta e retornar para ajudar Pantheras...

_________________



Última edição por Tony.Kage em Sex Ago 07, 2015 10:24 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Alexia.

avatar

Mensagens : 312
Data de inscrição : 13/11/2014

MensagemAssunto: Re: A Saga de Malphas   Sex Ago 07, 2015 10:22 am

Off: Entendi

E agora? Seria apenas nós contra aquela mulherzinha? De qualquer forma tínhamos que lutar, e agora que ela estava sem armadura eu acho que vai ser mais fácil.

“Onde ela está?”

Malphas some de meus olhos, e quanto a vejo novamente ela está do meu lado, atacando Calíope de forma brutal.

- Nããããão! Calíope!

Uso minhas asas para tomar distância para o alto e atiro uma flecha contra Malphas, em direção a cabeça daquela filha da p....
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
LeeSiuLoong

avatar

Mensagens : 341
Data de inscrição : 04/03/2015

MensagemAssunto: Re: A Saga de Malphas   Sex Ago 07, 2015 7:27 pm

Minhas estrelas haviam falhado, será que o terror que encontrei naquela sala quando Malpa surgiu foi o bastante para abalar minhas convicções? Não saberia dizer pois ao ver Thalia meu mundo havia mudado. Lutava para proteger o mundo, ela me lembrava dessa missão. Tinha receio que meus pensamentos e sentimentos atrapalhassem minha missão divina de servir aos deuses especialmente a Zeus.

Tinha que me concentrar, tinha que eliminar as distrações, mas em meu intimo sabia que aquilo era a verdadeira força de um guerreiro, seu coração não poderia entrar em duvidas, e eu estava duvidando do meu, olho para Thalia com a certeza de que realmente eu deveria acreditar em meu coração.

Em meu milésimo de segundo de pensamentos para comigo mesmo vejo Malpas desaparecendo e atravessando com sua mão Caliope. "Maldito"-eu penso, mas não poderia ajuda-la nesse momento, tinha que eliminar a ameaça ao mundo primeiro;

Ela era realmente muito rápida eu não conseguia acompanhar seus movimentos, mas sabia que alguém ali conseguia, Camus o santo dourado, tentaria ver pela sua movimentação da face que certamente seguiria Malpa onde ela estaria.

_Finito... - digo lançando meu golpe contra o joelho da mesma. - se eu conseguisse acertar de forma forte poderia diminuir sua velocidade.

_________________

O vigia do mundo

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Pantheras

avatar

Mensagens : 182
Data de inscrição : 05/03/2015

MensagemAssunto: Re: A Saga de Malphas   Sab Ago 08, 2015 12:15 pm

“Chegou a hora” pensei, olhando para aquela mulher novamente livre.

Sem armadura ela provavelmente estaria mais exposta, mas será que isso queria dizer mais fraca também? Eu duvido. E enquanto eu pensava, ela mostra o pouco do seu poder, atacando uma das garotas sem que sequer esperássemos.

- Droga. – Digo entre dentes, surpreso com a velocidade dela.

Não tinha jeito. Era morrer lutando ou disistir. Sendo assim eu elevo meu cosmo ao máximo mais uma vez e a ataco com meu Sopro do Abismo.

Off: Multiplico ao máximo.

_________________
Um Demônio em metamorfose. A bela borboleta convidando para o mundo dos mortos...


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Drinian

avatar

Mensagens : 172
Data de inscrição : 06/03/2015

MensagemAssunto: Re: A Saga de Malphas   Seg Ago 10, 2015 11:36 am

O ataque causado pelos guerreiros faz eu soltar Greta por alguns instantes... E logo ela é tragada as sombras...

Não... Gretaaaa...

Salto para desferir um soco queimando o meu cosmo e romper as sombras... Faço as outras ilusões avançarem também...

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Grande Mestre
Admin
avatar

Mensagens : 459
Data de inscrição : 06/11/2014

MensagemAssunto: Re: A Saga de Malphas   Seg Ago 10, 2015 2:49 pm

Raika:

Após a explosão, as sombras de Raika voltam a trabalhar, e finalmente trazem Greta para os seus braços. Enquanto abraçava a menina,a Espectro vê que a guerreira que a protegia vinha em sua direção para salvá-la, e que junto a ela, havia outras tão iguais que Raika não sabia dizer qual era a real. Porém, Raika havia se adiantado. A guerreira tentava atacá-la, mas a Espectro teleportou-se um segundo antes, junto a Greta.

Aquela sala de estar era inconfundível. Raika imediatamente reconheceu o lugar onde estava. Era o Castelo Heinstein, com sua incrível mobília vitoriana e a música da harpa de Pandora, que percorre todos os corredores.

De repente a música cessa, e tudo que se ouve são passos que se aproximam por um dos corredores. Quando Raika menos espera, Pandora aparece como uma alma penada, bem atrás dela, dizendo com sutileza:

- Vc a trouxe para mim. Meus parabéns, Raika.

Pandora começa a mover-se ao redor das duas, analisando a menina desacordada nos braços de Raika. Com seus dedos pálidos pintados com esmalte negro, ela acaricia o rosto de Greta e diz:

- Imperador...

De repente, Pandora sofre um sobressalto, e seu rosto muda de uma expressão fria para uma face tomada por um pânico terrível. E ela grita:

- Pantheras!

Essa reação gera confusão em Raika, pois tudo acontecia sem motivo algum. Ainda sem dizer o porque desse surto, Pandora eleva o seu cosmo de cor lilás e estica os braços, cravando seus dedos naquela dimensão e abrindo um portal no tempo espaço. Em seguida, ela grita para este portal:

- Pantheras, seu tolo, fuja daí imediatamente!


Drinian:

A Satélite bem que tentou salvar Greta. Teve a menina nas mãos e a perdeu, mesmo assim lutou para recuperá-la. Tarde demais. Aquelas mãos sombrias haviam desaparecido junto a ela, levando a pobre garota consigo. Tudo que Drinian e suas ilusões conseguiram foi golpear o nada.

Próximo dela, a batalha contra Malphas continuava intensa. A criatura feriu Calíope gravemente, e agora era atacada pelos guerreiros corajosos que se puseram a enfrentá-la, mesmo sentindo nas entranhas aquele cosmo opressor. Todos eles atacaram de forma devastadora, inclusive Aléxia, sua parceira. E foi a flecha de Ártemis que deu o golpe de misericórdia naquela coisa. Um pequeno motivo para fazer Drinian sorrir, apesar de tudo.

Mas ao contrário do que todos pensaram, a batalha ainda não terminou de fato. Mesmo sendo brutalmente atingida, Malphas libertou um cosmo esmagador, que suprimiu toda a esperança de vitória dos guerreiros. Drinian sentia na pele aquele cosmo, e somente isso seria o bastante para destruir um espírito fraco. Agora era evidente que todos morreriam ali, mas de repente um portal se abre atrás dela, e a voz de Ártemis é ouvida através dele: “Venha, Drinian, volte para o templo em segurança.”


Aléxia, Odisseu e Pantheras:

Ao ver o poder de Malphas resumido à sua velocidade espantosa, os guerreiros demonstram sua coragem, decidindo enfrentar essa terrível inimiga. Pantheras de Papillon e Odisseu são os primeiros a avançar, e juntos, elevam seu cosmo ao máximo, desferindo suas técnicas contra o adversário pego de surpresa.

Odisseu usa ataque especial preciso (Finito): Luz 3 x3 + Habilidade 4 (-2 por velocidade da luz) + 1D (5) = FA 16

Pantheras usa ataque especial paralisante (Sopro do Abismo): Trevas 4 x4 + Habilidade 4 (-2 por velocidade da luz) + 1D (5) = FA 23

Malphas: Armadura + 1D = FD 5


A nuvem e as estrelas se misturam, formando uma tempestade devastadora que atinge Malphas em cheio, fazendo a criatura soltar um urro animalesco por debaixo de sua máscara. Malphas tem agora o corpo marcado pelas esplosões das estrelas e paralisado pela nuvem tóxica. Ela está totalmente presa, mais vulnerável do que nunca. E é neste instante que Aléxia usa suas asas para voar para longe e atirar com sua flecha.

Aléxia ataca com a flecha: Poder de Fogo 2 (+6 por arma especial) + Habilidade 3 + 1D (6) = FA 17

Malphas: Armadura + 1D = 6


A flecha da Satélite finalmente é solta, indo em direção à Malphas quase que em câmera lenta, tão dramática era a luta para os guerreiros. Graças aos ferimentos que Odisseu causou e graças à nuvem de Pantheras paralisando a inimiga, não foi nem um pouco dificil para a fada acertar o seu alvo. Após tantas falhas no decorrer daquela saga, era disso que ela precisava: Um tiro certeiro. E foi realmente isso que aconteceu.

A flecha entrou pela nuca de Malphas, atravessando seu crânio com brutalidade e saindo pelo olho direito, atravessando também a máscara grotesca da criatura. O objeto caia ao chão com a flecha presa a ele. Enquanto isso, Malphas permanece de pé, e estranhamente imóvel. Estava morta? O que havia acontecido? Um golpe daqueles só podia ter matado aquele monstro, e foi isso que Camus de Aquário pensou quando disse:

- Vcs conseguiram. É incrível!

Mas de repente o cosmo de Malphas, que deveria se instinguir começa a crescer mais, mais e mais. Aquilo era impossível. Nem mesmo um deus conseguiria elevar seu cosmo àquele nível e tão rápido. Seria impensável que alguém pudesse lutar com um ser de cosmo tão hostil e intenso. A esperança havia se perdido, quando Thalia de Cisne diz:

- Espere! Olhem!

O corpo de Malphas começava a inchar, seus membros iam crescendo e engordando de forma bizarra graças ao cosmo que ela estava liberando sem nenhum controle. Aquilo tornava uma coisa evidente até mesmo para o menos inteligente naquela sala. Ela iria explodir!

Tão rápido quanto esta perspectiva chegou à mente dos guerreiros, portais dimensionais começaram a ser abertos atrás de todos eles. Odisseu e Thalia escutam a voz de Zeus atrás de um destes portais: “Odisseu, filha... Voltem agora”. Atrás de Pantheras, é a voz de Pandora que pode ser ouvida: “Pantheras, seu tolo, fuja daí imediatamente!”. Aléxia escuta acima dela, a voz de Ártemis vindo do portal aberto para ela: “Ártemis, vc trouxe orgulho à suas irmãs dentro do templo. Agora volte, volte antes que seja tarde demais!”.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://blazecosmo.forumeiros.com
Tony.Kage

avatar

Mensagens : 289
Data de inscrição : 05/03/2015

MensagemAssunto: Re: A Saga de Malphas   Seg Ago 10, 2015 10:28 pm

Tenho Greta em meus braços... Me concentro enquanto vejo a guerreira se dividir em várias e partir para me atacar, mas antes que me alcançasse, consigo verter o espaço...

Abro os olhos... Estava no Castelo de Heinstein, ouço a música de Pandora... Me ajoelho verificando se a garota estava em perfeito estado... E logo vejo Pandora as minhas costas...

Vejo a mesma contemplar Greta... E então uma palavra muda tudo...

Imperador... Então eu estava com o corpo do imperador em meus braços... Sinto como se o corpo passasse a pesar mais, diante da importância daquela garota... E pensar que em um momento eu pensei em matá-la... Imperador...

Esqueço completamente de Pantheras ou da Guerreira, ficando apenas contemplando a garota em meus braços...

Logo vejo que uma espécie de pavor toma conta de Pandora... A mesma grita por Pantheras...

Sera que fora atacado pela guerreira ?

Tento chamá-lo pela telepatia... Mas vejo que Pandora cria um portal e grita para que Pantheras fugisse... Não conseguia ver o que acontecia, mas talvez o mesmo estivesse ferido...

_________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Alexia.

avatar

Mensagens : 312
Data de inscrição : 13/11/2014

MensagemAssunto: Re: A Saga de Malphas   Ter Ago 11, 2015 1:46 am

Agora era com a gente. Eu não podia decepcionar. Enquanto eu alçava vôo para ganhar distância de Malphas, os dois guerreiros corriam na direção da inimiga.

“Eles são corajosos. Atacando ela tão de perto assim...”

Os golpes deles surtiram bastante efeito, dando a Malphas uma prova da dor que ela causou em Calíope.

- Isso, sua cadela, fica paradinha.

Com a cabeça dela na mira, não tinha como errar. A flecha atravessa ela e sua máscara. Conseguimos! Mas como era de se esperar, Malphas vende caro a sua derrota. E em um último esforço, usa seu cosmo para causar uma grande explosão e levar a todos nós para o inferno com ela.

“Morro satisfeita sabendo que vc não vai causar mal a mais ninguém!”

Porém, a recompensa por servir a uma boa deusa de corpo e alma finalmente acontece. Ártemis abre um portal para que eu retorne ao templo, e as palavras dela me trazem lágrimas aos olhos.

- Obrigada, senhora. Mas antes eu preciso fazer uma coisa.

Em um vôo rasante, uso minhas asas para ir até Calíope e apanha-la, mesmo não sabendo se estava morta ou não. Caso dê tempo, eu vôo o mais depressa possível na direção do portal, carregando a musa comigo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Pantheras

avatar

Mensagens : 182
Data de inscrição : 05/03/2015

MensagemAssunto: Re: A Saga de Malphas   Ter Ago 11, 2015 1:49 pm

- Droga. Ela ainda não morreu! – Digo, ao ver a criatura de pé, mesmo após os ataques combinados entre eu e o outro guerreiro.

Penso em avançar, em fazer alguma coisa enquanto ela estava paralisada por minha núvem e pelas estrelas. Mas de repente vejo uma flecha passar por mim, direcionada àquele monstro. Foi um tiro realmente milagroso, atingindo Malphas em cheio.

“Mas o que...” eu pensei aturdido, quando vi que ao invés de morrer, Malphas elevava seu cosmo ainda mais.

Sua intenção era explodir através daquele cosmo poderoso. Ela estava disposta a tudo para cumprir seu plano de destruir a tudo e a todos. Eu estaria perdido se aquele portal não aparecesse. Salvo pela senhorita Pandora. Cruzo o portal aberto para mim.

_________________
Um Demônio em metamorfose. A bela borboleta convidando para o mundo dos mortos...


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Drinian

avatar

Mensagens : 172
Data de inscrição : 06/03/2015

MensagemAssunto: Re: A Saga de Malphas   Ter Ago 11, 2015 2:24 pm

Avanço para acertar as sombras mas uma mulher surge das mesmas e desaparece levando Greta...

Nãooooo Miseravel... Devolva-a para mim...

Quando me viro com lagrimas nos olhos, vejo que Aléxia lutava contra a criatura e a sua flecha poem um fim aquela criatura... Talvez assim conseguissemos recuperar Greta...

Mas enquanto esperava a criatura tombar, ela se mantem de pé... E o seu cosmo expandia cada vez mais... O terror tomava conta de mim... Ela iria explodir, ouço a voz da minha Deusa as minhas costas... Me informando que tinha que retornar em segurança...

Mas se eu for... Como irei resgatar Greta... Tenho que continuar atras dela...

Mas sabia que se morrese, não a salvaria... Passo pelo portal, esperando por Alexia...

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: A Saga de Malphas   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
A Saga de Malphas
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 19 de 20Ir à página : Anterior  1 ... 11 ... 18, 19, 20  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Blaze Cosmo  :: 
MENU
 :: Registros
-
Ir para: