InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» [Parceria] Saint Seiya RPG - Santuário RPG
Qui Jun 29, 2017 2:39 pm por Hades

» Final Alternativo - 02
Qui Jun 01, 2017 4:06 pm por Tony.Cyt

» Final Alternativo - 01
Ter Maio 23, 2017 10:46 am por Tony.Fenix

» Schenee - Amazona de Dourado - O Templo
Ter Fev 21, 2017 8:12 pm por SchneeKS

» [Parceria] Realm of Legends - Saint Seiya RPG
Sab Jan 21, 2017 12:06 am por Hades

» A Grande Batalha de Asgard
Seg Dez 26, 2016 5:42 pm por Anthea

» Pantheras e Raika - Um mergulho nas Trevas
Seg Dez 19, 2016 9:17 pm por Tony.Kage

» Aioria de Leão - A Adaga Dourada
Seg Dez 19, 2016 7:28 pm por Mu.

» A Rebelião dos Anjos
Dom Dez 11, 2016 11:29 pm por Grande Mestre

» Scorpio - A queda dos anjos
Qui Dez 08, 2016 5:49 pm por ScorpioKS

» Aella - O Resgate da Armadura
Qui Dez 08, 2016 5:40 pm por Art08

» Morto e Olívia - O Inimigo Atemporal
Dom Dez 04, 2016 10:47 pm por Mortinho

Fichas
ADMs e Narradores

Compartilhe | 
 

 Ainda que eu caminhe pelo vale das sombras

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3 ... 10, 11, 12  Seguinte
AutorMensagem
Pandora Heinstein

avatar

Mensagens : 236
Data de inscrição : 21/02/2015

MensagemAssunto: Ainda que eu caminhe pelo vale das sombras   Qui Ago 20, 2015 9:05 am

Ainda que eu caminhe pelo vale das sombras


Pandora se encontrava na janela de seu quarto, olhando para o céu com cara de poucos amigos. Atrás dela, estava Raika de Kageboshi e Pantheras de Papillon, ambos de joelhos em sinal de respeito. Trovões faziam as nuvens negras do firmamento se iluminarem, e quando elas se abrem, Odisseu finalmente surge. Sua Glória tinha um brilho próprio, suas asas batiam graciosamente até o Celestial pousar sobre o quarto da representante de Hades.

- Finalmente vc chegou. Detesto esperar.

O Celestial agora está entre os dois Espectros ajoelhados de cabeça baixa. Enquanto isso, Pandora se afasta, caminhando pelo seu luxuoso aposento naquele vestido negro.

- Tenho uma reclamação a fazer sobre Athena. Ela possui um determinado território para onde envia guerreiros rebeldes de extrema periculosidade, mas sua vigília sobre este lugar é precária. Isso dá a estes guerreiros de armaduras negras a liberdade para ir e vir no mundo, atormentando até mesmo o templo de outros deuses.

Pandora recolhe seu tridente, postando-se ante a Odisseu e os dois Espectros.

- Em nome da boa relação entre os deuses, preferi pedir para que um representante de Zeus mediasse esta situação. Do contrário, faria tudo do meu jeito, sem me preocupar com o que aquela tolinha protetora da humanidade iria achar. Rogo-lhe, Celestial, que vc vá com Pantheras e Raika até a Ilha da Rainha da Morte checar tudo com seus próprios olhos e apresentar a Zeus a prova de que eu estou certa.

A informação de que o próximo destino poderia ser a Ilha da Rainha da Morte gera apreensão nos três guerreiros. Todos sabiam que aquele lugar era conhecido como o inferno na terra, lar dos desalmados Cavaleiros Negros. Em lutas de um para um, o trio sabia que poderia dar conta de qualquer um destes guerreiros renegados. Mas ao entrar na ilha, eles estariam em território extremamente hostil, cercado por um exército destes homens tão ruins que nem a bondosa deusa da terra os aceitou.



Status:
 


Última edição por Pandora Heinstein em Sex Ago 21, 2015 9:30 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Pantheras

avatar

Mensagens : 182
Data de inscrição : 05/03/2015

MensagemAssunto: Re: Ainda que eu caminhe pelo vale das sombras   Qui Ago 20, 2015 12:00 pm

Não tenho ideia do que a senhorita Pandora esperava, olhando para o céu negro daquele jeito. Mas tanto a minha presença quanto a de Raika parecia necessária, e faço questão de me manter de joelhos todo o tempo.

“Ela me parece um pouco aborrecida. Será que fizemos algo que a irritou.” Me pergunto.

De repente os céus se abrem, e o Celestial Odisseu surge voando até aquele aposento. Mas o que ele fazia ali? Depois do que Lúcifer fez, Celestiais deveriam ser personas non gratas no território de Hades.

“Será que ela pretende tomar partido nos conflitos de Zeus?” penso.

O que Pandora revela a seguir é surpreendente. Ir até a Ilha da Rainha da Morte investigar um trabalho negligente de Athena... Logo este lugar que é o inferno na terra e os demônios vestem armaduras negras. De qualquer forma, ordens são ordens. Por aquela mulher eu iria até o inferno, hora de provar isso.

_________________
Um Demônio em metamorfose. A bela borboleta convidando para o mundo dos mortos...


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
LeeSiuLoong

avatar

Mensagens : 341
Data de inscrição : 04/03/2015

MensagemAssunto: Re: Ainda que eu caminhe pelo vale das sombras   Qui Ago 20, 2015 6:12 pm

Recebo o chamado de Pandora e mais do que imediatamente parto para o castelo, apesar de ser um lugar onde um conflito entre celestiais e ela aconteceu, eu tinha boas recordações lá, minha amada Thalia aceitara meu pedido de casamento. Lá eu descobri que a verdade por salvar uma pessoa, Heitor, e vi que nem todos os espectros possuem o coração negro.

Em meio a escuridão, chego naquele recinto. E logo me coloco de joelhos em sinal de respeito. Eu estava na casa dela e como ela representante divina eu deveria respeitar.

Ouço as palavras de Pandora, por um lado entendo suas razões e por outra entendo as de Athena, mas deveria cumprir meu papel de celestial nesse mundo. Iria investigar a ilha da Rainha da Morte, o inferno na Terra.

"_Se existir inocentes naquele lugar, eu devo salvar, mas será que lá existiria espaço para uma alma caridosa?" -Eu pensava em meu intimo.

_Senhorita Pandora - digo ainda de cabeça baixa e em um tom de respeito - agradeço por confiar em mim para essa missão, sinto-me honrado e a farei com toda a devoção possível.

Queria além de cumprir meu dever, estabelecer uma boa relação com Hades, queria que ela soubesse que nem todos os celestiais eram seres traidores, que tínhamos muito a oferecer.

_________________

O vigia do mundo

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Tony.Kage

avatar

Mensagens : 289
Data de inscrição : 05/03/2015

MensagemAssunto: Re: Ainda que eu caminhe pelo vale das sombras   Qui Ago 20, 2015 9:55 pm

Me mantinha ajoelhada a frente de Pandora... Via que Pantheras tambem não parecia saber o motivo de sermos convocados... Logo vejo o clarão e de dentro um guerreiro com asas... Meu primeiro impulso foi pensar em levantar para confrontar o celestial... Mas logo vejo que é Odisseu...

Esse Celestial, esteve com Pantheras durante o ataque do anjo traidor... O que ele queria aqui agora ?

Logo Senhorita Pandora nos fala o motivo de termos sido convocados...

A ilha da rainha da morte... Qual seria a real intenção de Pandora ? Apenas expor a falha de Athena? Ou teria algo a mais ?

Me mantinha quieta... Assim que ela nos comandasse para a missão me levantaria e seguiria com Pantheras e o Celestial...

_________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Pandora Heinstein

avatar

Mensagens : 236
Data de inscrição : 21/02/2015

MensagemAssunto: Re: Ainda que eu caminhe pelo vale das sombras   Sex Ago 21, 2015 9:26 am

Pandora se mantém inexpressiva mesmo com as palavras lisonjeiras de Odisseu. Ela observa bem o trio por um instante, como se o analisasse. Seu olhar se demora um pouco mais no Espectro de Papillon, mas logo se desvia para a janela por onde o Celestial entrou.

- Vão logo.

E com a sua ordem, um portal dimensional se abre. Ainda no quarto, era possível enxergar o outro lado. O vulcão da ilha entrava em erupção, espalhando lava pela terra e uma nuvem de cinzas pelo ar. Pessoas corriam de um lado para o outro, em desespero enquanto buscavam por segurança. Os três nem haviam chegado, e a Ilha da Rainha da Morte já mostra a sua faceta.



Status:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Tony.Kage

avatar

Mensagens : 289
Data de inscrição : 05/03/2015

MensagemAssunto: Re: Ainda que eu caminhe pelo vale das sombras   Sex Ago 21, 2015 10:55 am

Assim que Pandora abre o portal... Passo olhando o local... Via que o vulcão estava ativo e as pessoas corriam diante da eminencia da morte...

Este é realmente um lugar condenado... Apenas a morte pode aliviar o sofrimento dessa terra... Athena realmente erra em deixar esse local existir... Mas logo cobriremos esta terra com as nossas sombras...

Caminharia com os guerreiros, observando o local... Usaria a minha telepatia para sondar o local... Sentir alguma mente mais forte e que apresentasse crueldade na mesma...

Essa ilha é condenada... Ela já deveria ter sido afundada... Não devemos deixar mais esses cavaleiros renegados existirem... Temos que por um fim neles de uma vez por todas e afundar essa ilha para sempre...

_________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
LeeSiuLoong

avatar

Mensagens : 341
Data de inscrição : 04/03/2015

MensagemAssunto: Re: Ainda que eu caminhe pelo vale das sombras   Sex Ago 21, 2015 7:05 pm

Atravesso o portal e um horror gigantesco como conta de minha mente. Olho para as pessoas que a principio pareciam inocentes, tentando fugir do vulcão desperto. Então existiam pessoas normais aqui eu penso.

Sei que aqui é o pedaço do continente de lemuria que sobrou, guerras infindáveis o deixaram assim e agora cavaleiros amaldiçoados aqui viviam. Acreditava que Athena ainda via humanidade neles para permitir sua vida, mas nesse momento eu tinha que me manter neutro, eliminar os cavaleiros negros e ajudar os inocentes não nessa ordem.

Uso minhas estrelas para criar um cânon que iria direcionar o rio de lava para longe das pessoas. Tentaria evitar mortes desnecessárias e sabia que ajudando essas pessoas os senhores negros desse lugar apareceriam.

_________________

O vigia do mundo

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Pantheras

avatar

Mensagens : 182
Data de inscrição : 05/03/2015

MensagemAssunto: Re: Ainda que eu caminhe pelo vale das sombras   Sab Ago 22, 2015 11:53 am

De fato, o lugar era um inferno, e as almas condenadas a ele se encontravam em sofrimento, fugindo da lava daquele vulcão em atividade.

“Por que eles evitam a morte? Será que não sabem que depois dela não há dor, fome ou qualquer outro tipo de sofrimento?” me pergunto.

- Pouco importa os Cavaleiros Negros, a nossa missão é mostrar a Odisseu como Athena deixa este lugar uma bagunça. Além disso, não sei se temos poder suficiente para destruir essa ilha sozinhos. – Alerto Raika.

De qualquer forma, Odisseu começa a ajudá-los, e já que eles querem tanto assim se apegar à vida, por que não dar uma mãozinha? Olho ao meu redor, procurando um ponto seguro para onde poderia guiar aquelas pessoas.

_________________
Um Demônio em metamorfose. A bela borboleta convidando para o mundo dos mortos...


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Pandora Heinstein

avatar

Mensagens : 236
Data de inscrição : 21/02/2015

MensagemAssunto: Re: Ainda que eu caminhe pelo vale das sombras   Ter Ago 25, 2015 12:25 pm

Quando o trio atravessa o portal, Odisseu logo se põe a ajudar os nativos. Com suas estrelas, ele facilmente cria veios pelo solo de pedra, por onde a lava corre sem se espalhar, diminuindo o seu alcance das pessoas que ainda corriam em pânico. Isso ajuda a salvar com casal de velhinhos incapazes de fugir com rapidez. Ao longe, duas crianças choravam amedrontadas. Sem entender o que estava acontecendo, elas não fugiam, apenas se abraçavam e tremiam.

Odisseu testa percepção (Teste de Habilidade -2): Resultado = 4 (Falha)


Pantheras olha ao seu redor, percebendo que haviam surgido em uma praça de comércio. Não havia nenhum lugar seguro por perto, talvez o certo fosse fugir para as margens da ilha. Estavam sobre um grande palco de madeira montado para vendas, e pelos troncos ligados a correntes, onde duas mulheres estavam presas, o Espectro nota que o produto vendido ali eram seres humanos. Escravos.

Pantheras testa percepção (Teste de Habilidade -2): Resultado = 6 (Falha)


Raika vê que a primeira medida de seus parceiros de missão era ajudar aqueles pobres coitados da ilha, que fugiam em desespero da lava. O magma que escorria no vulcão destruía tudo que tocava, deixando no ar um calor insuportável. Para piorar, a nuvem de cinzas baixava cada vez mais, diminuindo a visibilidade de todos.

Raika testa percepção (Teste de Habilidade -2): Resultado = 2 (Sucesso)


Enquanto Odisseu e Pantheras se encontravam totalmente distraídos com os problemas da ilha, Raika percebe que mesmo à luz do dia, sombras vagavam ao redor de todos, aproximando-se muito furtivamente do trio, talvez para um ataque. Uma delas estava bem atrás da Espectro.



Status:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Tony.Kage

avatar

Mensagens : 289
Data de inscrição : 05/03/2015

MensagemAssunto: Re: Ainda que eu caminhe pelo vale das sombras   Ter Ago 25, 2015 9:19 pm

Vejo que o Celestial procura uma forma de salvar as pessoas... Enquanto Panthera buscava um abrigo...

Deviam deixá-los morrer... Assim elas não sofreriam mais... Como Odisseu não ve que o local é ignorado por Athena ?

Ficava observando o local, e noto uma sombra se movendo... Ela vinha a nossa direção... Iria saltar para trás enquanto tentaria controlar as sombras com meu domínio nas trevas...

Iria fazê-la ficar parada, me revelando de onde vinha o seu domínio...

Ao invés de ficarem perdendo tempo, prestem atenção...

Alertava a eles, indicando as sombras...

Manipulação Elemento trevas

_________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Ainda que eu caminhe pelo vale das sombras   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Ainda que eu caminhe pelo vale das sombras
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 12Ir à página : 1, 2, 3 ... 10, 11, 12  Seguinte

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Blaze Cosmo  :: 
MENU
 :: Registros
-
Ir para: